VIDA DE MÃE

Olá pessoa, tudo bem com vocês?
Hoje vim falar de um assunto que vai interessar às mamães de meninos!
Vamos conversar sobre a danada da FIMOSE!

Arthur não ficou fora da lista dos meninos com fimose e também tem, mas o pediatra sempre explicou muito bem o que era e sempre nos tranquilizou quanto ao tratamento.

Pesquisando na internet achei algumas definições para tentar explicar de forma clara o que é e a que mais gostei foi a do site do Dr. Dráuzio Varella:


Fimose é a dificuldade ou até impossibilidade de expor a glande, ou cabeça do pênis, porque o prepúcio (prega de pele que envolve a glande) estreita a passagem.
Nos primeiros meses de vida, existe uma aderência natural do prepúcio à glande. Porém, até os três anos, essa aderência desaparece na grande maioria dos meninos.
Bom, a recomendação que sempre tivemos foi a de higienizar com muito cuidado, sem forçar a abertura da pele, pois ela pode causar fissuras facilitando infecções até o primeiro ano dele.
Quando ele completasse um ano, se não tivesse melhorado, deveríamos iniciar o tratamento com uma pomada específica (que eu não vou cita o nome, claro!) e ela poderia "curar" a fimose excluindo as chances de uma cirurgia.
Como é o uso dessa pomada:
Aplicar toda noite ao redor do pênis, por 8 semanas. Dar um intervalo de 4 semanas e voltar com o tratamento.
No primeiro ciclo, sentimos grande diferença, mas logo que paramos, a fimose voltou. Continuamos o tratamento e a melhora foi maior ainda.
Quando retornamos no médico ele disse que a fimose já não existia, porém ainda havia uma pequena aderência da pele por isso tínhamos que prosseguir com a pomada.
E assim estamos. Vejo que Arthur está super bem quanto à isso, mas vamos ficar de olho!
A cirurgia para a fimose é tranquila e no mesmo dia o paciente volta para casa. O repouso é de cerca de 4 dias (ou de acordo com cada caso) e depois a criança já pode retornar às atividades normais.
Apesar de a gente sempre querer evitar esse tipo de intervenção, é sempre sugerido que SE NECESSÁRIO, se faça a cirurgia sem demora para não correr o risco de criar infecções piorando o caso!
Portanto você mamãe que tem um pimpolho com a chata da fimose, acalme-se! Faça o tratamento que o pediatra indicar corretamente e cuida da higiene íntima de pequeno!

Beijos e fiquem com Deus!

4 comentários:

  1. Meu filho mais velho sofreu com isso, eu era apavorada na época, mas hoje tudo se normalizou, sem tratamento algum.
    Uma ótima quinta-feira pra você, e ânimo, pois o fim de semana já está chegando!
    Beijinhos!

    www.asosmamaenadia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha Na eu só não me apavorei pq já tinha lido algumas coisas, mas é uma coisinha bem chata!
      Bjo

      Excluir
  2. ACHO INTERESSANTE ESTE TIPO DE ESCLARECIMENTO, PARA AJUDAR AS MÃES QUE PASSAM PELO MESMO PROBLEMA !!!! NO MEU CASO, TENHO MENINA, MAS É SEMPRE BOM APRENDER, PORQUE ASSIM TALVEZ POSSA AJUDAR ALGUMA AMIGA!!! BEIJOS E QUE JESUS TE ABENÇÕE!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza né? Eu gosto de ficar antenada sobre todos os assuntos! É sempre bom!
      Bjos

      Excluir

Obrigada! Sua participação é muito importante!

Tecnologia do Blogger.