VIDA DE MÃE

Olá pessoal, tudo bem?

Hoje quero conversar com vocês sobre um tema um tanto quanto delicado e desde já quero deixar registrado que eu não sou a dona da verdade (o que aliás tem tudo a ver com o post) e que isso é uma conversa, uma troca de experiências!

Hoje eu quero falar sobre mentira!
Imagem google
Você mente? Seu filho mente?
Não, eu não estou falando daquelas mentiras cabeludas, perigosas, que devem ficar em um baú trancafiado! Estou me referindo àquelas mentirinhas bobas, que deixamos passar ou até as usamos quando tentamos conseguir algo mas não conseguimos! Não está entendendo, vou explicar...

Esses dias me deparei com uma situação engraçada. Estava querendo que o Arthur me obedecesse para parar de correr com a escova de dentes da boca e vir para o banheiro, mas não havia acordo. Aí disse: "Filho, vem ver o que mamãe achou!!!" e ele veio correndo. Quando chegou, não havia nada, apenas uma mãe que acabara de dar o bote em seu pequeno fazendo com que ele terminasse sua escovação.
Outra situação... Arthur não queria vir para a cozinha para jantar em hipótese alguma! "Vem Arthur, vem comer!!" Era como se eu estivesse falando "Fica aí filho, fica!". Aí muito esperta disse: "Nossa (com aquela empolgação), vem ver isso aqui! Que legal!" e ele logo apareceu e o que achou? Nada, só o prato de comida que ele não queria comer!
E falando em comida, sabe aqueles dias que eles não querem comer nada a não ser besteiras? Aí você vira e fala, tá, olha mamãe não vai dar a carne, é só o feijão! E mistura tudo e dá mesmo assim!
Você quer que seu filho coma brócolis mas ele odeia, então você amassa amassa amassa e mistura no purê e dá. Até quando isso é válido?  Enquanto bebês tudo bem, mas qual é o problema de não gostar de brócolis? Por que ele não pode saber que está comendo? Eu já passei muito por isso quando criança o que me fez criar ódio por certas comidas até hoje!
Fora aquelas chantagens baratas de mãe em que a gente promete mundos e fundos e quando eles obedecem... Nada em troca...

Pois é, essas situações me fizeram pensar muito sobre o assunto. Quando estamos desesperadas por alguma coisa e nosso filhos não colaboram, geralmente apelamos para essas mentirinhas "bobas", mas será que elas funcionam realmente?
Imagem google
Posso viajar um pouco?
Será que essas mentirinhas não vão um dia fazer com que nossos filhos fiquem de "saco cheio" de nossas promessas? E mais, será que não estamos ensinando eles a fazerem o mesmo?
Vocês sabem, uma mentirinha aqui, outra ali crescem e viram uma bola de neve!

Como ensinar uma criança, que mal sabe quem é, onde está, porque está que ela deve fazer as coisas por obediência?
Sim, eles devem nos obedecer por respeito e não por autoritarismo ou guerra de mentiras! A chantagem só serve quando ela é cumprida e tem sentido, por exemplo: está brincando na hora de comer? Na hora de brincar não vai brincar! Demorou, enrolou para comer? Tudo bem, não come e só vai comer na próxima refeição, nada de besteiras! Só vai ganhar o doce se comer? Se comeu DEVE GANHAR O DOCE!
Imagem google
Quantas vezes você já se livrou de algo chato graças aquela mentirinha boba? Você já pensou que podem fazer o mesmo com você ou pior... Que seu filho pode fazer isso com você? Ou que ele pode estar APRENDENDO isso com você?

Não, não estou dizendo que a partir de hoje seremos todas pessoas perfeitas e que só fazem as coisas certinhas, mas acho que devemos pensar muito antes de agir, principalmente nos pequenos atos!!

Falo isso não para recriminar as pessoas, mas por que eu faço isso e eu quero repensar as minhas pequenas ações!
Afinal, cumplicidade é a base de qualquer relação não é? A confiança vem da verdade. O respeito também!

E aí pessoal, o que fazer?
O que vocês pensam sobre isso?

Beijos e fiquem com Deus!

6 comentários:

  1. -
    Nossa amei seu Post e me fez pensar, pois geralmente é nessas horas que '' conto '' a ela essa pequenas mentiras
    Maezinha , se não comer não do chocolate , não vai brincar , olha ao amiguinhos e tipo ela come um duas tres colher depois me questiona cade mamy ? cade ? as vezes fico sem ação mais de fato ja estava parando pois de pequeno que se faz o grande e de mentira e mentira a BOLA de neve esta feita , de ver agente fazendo eles pode sim querer fazer tomar isso como habito e de pequenas , se tornar grande ....

    Um assunto muito complexo esse ... Gostei muito , futuramente irei aborda-lo se vc autorizar claro ...

    sheiro Grande semana das Mamães

    http://khauannydandara.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou! É um tema pra se refletir mas não somos perfeitas e não podemos ficar tão encucadas né? Mas se verdadeira é a melhor coisa!
      É lógico que pode abordar! Quanto mais gente se conscientizar melhor!
      Bjos

      Excluir
  2. ADOREI O POST.... NÓS SOMOS ASSIM MESMO NÉ??? ÁS VEZES PARA QUE FAÇAM ALGO, PROMETEMOS ALGO QUE NÃO VAMOS DAR..... MAS NÃO PODE, TEMOS QUE SER O MAIS VERDADEIRA POSSÍVEL, PARA QUANDO FALARMOS ALGO, ELES DE CARA JÁ SABEREM QUE REALMENTE É AQUILO MESMO!!!!! E PRINCIPALMENTE, ENSINÁ-LOS A SEREM SEMPRE VERDADEIROS.... PORQUE TUDO NA VIDA, COMEÇA DE PEQUENO!!!!!! BEIJOS!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é. .. somos humanos né? Mas devemos sempre nos policiar!
      Grande beijo querida!

      Excluir
  3. Adorei o post! Super reflexivo. Apesar do meu filho ser um bb já faço muito isso mas na maioria das vezes cumpro o prometido! rsrsrs
    Mas realmente temos que pensar sobre isso!
    Bjos
    tatty
    http://diariomaedeprimeiraviagemtatty.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada! Sua participação é muito importante!

Tecnologia do Blogger.