VIDA DE MÃE

Olá pessoal, tudo bem?

Hoje vim para mais um desabafo de mãe, dessa vez sobre algo que o Arthur tem desde que nasceu praticamente: o tal do refluxo!
Hoje eu acredito que não seja mais refluxo o que ele tem, mas frequentemente ele devolve a comida!
Vou explicar...
Quando ele era recém nascido, o pediatra receitou remédios para o refluxo já que ele sempre devolvia um pouco do leite depois de mamar. Isso foi melhorando com o tempo até ele parar com a medicação.
Depois que ele começou a comer a comida propriamente dita e mais especificamente de uns 4 meses para cá, vira e mexe ele vomita a comida. Já chegou a vomitar todas as refeições do dia! E era assim, tinha semana que ele vomitava só uma vez, tinha semana que era praticamente todo dia!
Quando fomos ao pediatra ele nos explicou os diversos (são mais de 40 gente!) motivos para que o vômito ocorra que vão desde o refluxo, alergia, intolerância e até birra, um meio de chamar atenção!
No caso do Arthur tratamos inicialmente como refluxo, mas não estava melhorando. Comecei a observar os momentos em que o vômito acontecia para tentar entender e meio que bolei uma teoria que não sei se está certa, mas é o que eu acho: Arthur é uma criança muito sensível, por exemplo, ele não consegue tossir sem vomitar e quanto força uma vez, já vomita. Se coloca bastante comida na boca vomita, se é algo novo ou estranho vomita... Eu sou assim também, não posso tossir muito que já me sinto nauseada, então não sei se isso pode ter alguma relação.
Por outro lado, como ele não é nem um pouco bobo, já percebe que quando vomita, todos voltam a atenção para ele, todo mundo se desespera e com isso ele consegue tudo que deseja. E isso é um problema e tanto! Usar o vômito para chamar a atenção não é nem um pouco legal!
Algumas vezes, na madrugada, quando ele chora e vê que ninguém vai ceder às suas vontades, ele força e começa a tossir até vomitar! Hoje, já sabendo disso, nós lidamos de uma forma diferente: ele vomita, nós tiramos ele do berço, mas não do quarto dele, trocamos tudo que deve ser trocado sem ficar conversando com ele e o colocamos de volta no berço. Dá certo!
O problema é que isso tem me confundido muito e às vezes não consigo identificar o que é birra e o que é realidade!
Na semana passada ele ficou mal, com o peitinho cheio e uma tosse bem chata. No começo achamos que ele estava chamando atenção quando vomitava, mas depois de passar uma noite inteira limpando o vômito dele, vimos que não era bem assim, aí nos desesperamos, para no final entender que ele realmente não aguenta tossir e acaba vomitando, portanto ele não vomitava por passar mal, mas sim por não aguentar tossir! Quando associamos o peitinho cheio, à vacina que ele tomou e aos três dentes que estão nascendo ao mesmo tempo, vimos que era coisa de tempo para ele melhorar e realmente no domingo ele estava bem melhor!
Hoje, quando ele começa a tossir, tentamos mudar a sua atenção, distraí-lo com outras coisas...

Mas isso me incomoda demais, imagino como ele deve ficar!
Espero que seja uma fase e que isso passo logo!
É, ser mãe não é fácil não minha gente! Alguém já passou por isso? Como foi?

Beijos e fiquem com Deus!

8 comentários:

  1. Nossa amiga, não passei por isso e imagino sua ansiedade com isso...Espero que logo se resolva...
    Passando rapidinho pra te desejar um ótimo final de semana!
    Já me mudei, estou com internet novamente e agora estou passando nos blogs das amigas pra conferir os posts da semana!
    Bjos!

    www.asosmamaenadia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha não é fácil, cada refeição é uma angústia!
      Espero que isso passe!
      Ai que legal!!!!
      Bjos

      Excluir
  2. Lendo seu texto, passou um filme em minha cabeça..... Porque minha filha era assim mesmo.... Não podia tossir um pouquinho mais ou fazer aquela pirraça, que vomitava tudo!!!! No começo também fiquei doida, ás vezes chegava á levar correndo no pediatra dela, ás pressas, e não era nada demais...(Graças á Deus!!!) Mas conforme ela foi crescendo, isso acabou, hoje ela já não vomita, por exemplo por uma simples tosse!!!! Converse com o pediatra, com certeza ele vai te ajudar e muito!!!!! Beijos!!!!Mas com relação ao peito cheio, o que você faz???? Tem que cuidar pra não virar bronquite!!! (Minha mãe sempre falava isso!!!!)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai fico mais tranquila com o que disse! Espero que isso passe!
      O pediatra pediu exames para analisar a fundo isso... mas se Deus quiser vai estar tudo bem!
      Então o peito cheio eu estou tratando com Abrilar! Mas ele nao gosta de tomar e fica difícil dar! Mas ele está melhorando agora..Bjos

      Excluir
  3. Acontece as vezes isso com a minha filha de 02 anos, quando ela ta com o tosse carregada de vez em quando ela vomita. Mas a luta mesmo foi ate os 4 meses dela, era vomito todo dia, dava uma aflição. Mas ainda bem que mesmo vomitando ela ganhava 1 kg todo mes. Depois voce poderia falar sobre amamentação, como fez pro Arthur sair do peito. Bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Arthur tinha isso bem bebê mas não perdia peso também! Mas é muito complicado conviver com esa situação!
      Bjoss

      Excluir
  4. Ja li seu post sobre amamentação :)
    A minha filha ate hoje mama, ela ja tem 02 anos e 02 meses, mas eu fico com dorzinha de tirar, mesmo sabendo que ja passou da hora. Ela pede, mas o problema é que ela acorda ao menos 3 vezes durante a noite pra fazer o mamilo de chupeta rs. Mas amamentar é amor em um ato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. :-)
      Ai olha eu não sei como eu seria se o Arthur não tivesse desistido do peito! Acho complicada essa dependência do peito mas amamentar é divino!
      Bj

      Excluir

Obrigada! Sua participação é muito importante!