ROUPAS DE GESTANTE

Olá pessoal, tudo bem?

Vocês se lembram daqueles posts que fiz sobre o que eu usei ou não na gravidez e após o parto?
Se não viu, clica aqui, aqui e aqui!

Pois então hoje eu vou falar um pouco sobre roupas de gestante!
Apesar de algumas pessoas já saberem a minha opinião, resolvi vir aqui e explicar melhor o que eu acho!

Foto retirada daqui
Na gravidez do Arthur eu tive muita dificuldade em me achar nas roupas. Eu não era tão preocupada com a aparência e estava num momento bem conturbado pois a casa estava em reforma e minhas roupas estavam todas perdidas, encaixotadas e eu tinha só o essencial mesmo às mãos.
Outro fator foi que o barrigão começou a crescer no outono e no inverno então eu realmente precisei de roupas que coubessem em mim, já que no verão é muito mais fácil se adaptar com vestidos, saias, shorts e blusinhas!

O problema é que eu não fazia ideia de onde vendiam roupas para gestante! Ainda não fazia parte desse mundo blogueiro e materno e sabia muito pouco sobre tudo que se relacionava à gestação!

Fui pesquisar algumas lojas e me assustei com o que vi!
Primeiro o preço! Gente do céu, que absurdo são os preços de roupa para gestante?
Depois a escassez de lojas. As que eu achei eram muito longe de casa e eu me desanimei em ir conhecer.
Nas lojas de departamento era bem difícil de encontrar alguma coisa e quando tinha era uma ou outra peça (bem sem graça) e cara também!
Foto retirada daqui
 Enfim, eu acabei apelando por roupas "normais" que fossem ou de um tamanho maior ou de uma modelagem diferente, por exemplo, aquelas malhas bem compridas que vão até quase o joelho, foram minha salvação no inverno, ou as calças leggins!

Eu ganhei uma calça de gestante (que eu tive que apertar bastante pois o menor número ficou enorme em mim) e comprei algumas peças, bem poucas mesmo!

Nessa gestação eu comprei apenas uma calça tipo leggin que é de gestante mas nem parece. Eu estava com planos de reformar meu guarda roupa há tempos mas a gravidez impediu que isso acontecesse efetivamente, então eu resolvi comprar peças que seriam úteis tanto na gestação quanto depois dela e eu até mostrei para vocês aqui.

A minha real opinião é que, apesar de confortáveis, bonitas e de hoje a variedade ser maior do que na gravidez do Arthur, eu não sou muito a favor de sair comprando roupas e mais roupas de gestante!
São roupas que você vai usar por muito pouco tempo e que perderão a utilidade após o parto e além de tudo são muito caras então não acredito que valha o investimento!

Imagem google
O que eu acho legal ter é quem sabe uma calça jeans de gestante pois ela provavelmente servirá em toda a gestação e salvará quando você quiser variar o look.
De resto, vou me virando com leggins, calças jeans normais que ainda me servem, blusinhas mais soltinhas, batas, vestidos, etc.

E por aí, como foi, ou está sendo o relacionamento com o guarda roupas na gestação????

Beijos e fiquem com Deus!


2 comentários:

  1. Na minha gravidez, eu sai comprando tudo quanto era roupa de gestante que achava pela frente, já que nada que eu tinha me servia.....
    Acredito que o fato de não ter o acesso que tenho hoje á internet e a todo esse mundo das mamães blogueiras, porque a gente acaba aprendendo, trocando informações, fez toda a diferença....
    Hoje, com certeza eu faria tudo diferente, não compraria tantas peças que não usaria depois, ou que só usaria dentro de casa.....
    Concordo com você, bem melhor comprar peças que podemos usar após a gravidez.....
    Beijos!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, a gente faz muita coisa por falta de experiência mesmo, mas a gente acaba aprendendo, iso que é importante né?
      bjão

      Excluir

Obrigada! Sua participação é muito importante!