CHUPETA, MAMADEIRA E FRALDA, ATÉ QUANDO JESUS???

Chupeta, mamadeira e fralda!

Seu filho ou filha faz uso de algum desses objetos? Você já se sentiu culpada por isso? Já escutou por aí:

 • "Nossa, mas até quando ele vai ficar na fralda?"
• "Chupeta faz tão mal, porque você ainda não tirou?"
• "Ai, mas isso vai interferir tanto no desenvolvimento dele, coitadinho"

E aí, se identificaram?
Eu já ouvi algumas coisas assim é mesmo que a gente saiba que "lá em casa quem manda sou eu", fica na nossa cabeça o pensamento de "será que eu errei tanto?"
Aqui em casa eu vivo dois mundos opostos no quesito chupeta. Matheus não pegou e mal sabe usar uma! Acha engraçado ver o irmão usando e toda hora tenta tirar da boca do Arthur para jogar bem longe!
Mamadeira e fralda ainda não dá para comparar pois Matheus é muito pequeno  para já largar!
Meus meninos!
Já Arthur tem um grande apego por  esses objetos!
Já tentamos tirar a chupeta e foi algo traumático. Alguns meses depois que Matheus chegou ele passou por uma fase complicada de ciúmes e a chupeta era como se fosse seu refúgio. Resolvemos não tirar e esperar as coisas se acalmarem. Nesse meio tempo, a situação chegou a ser complicada demais. Arthur dormia com 5 ou 6 chupetas! Sim!!! Tipo a mãe dele quando pequena... Iguaizinhos... E eu me vi permitindo isso ao meu filho!  

Mamadeira também é algo que ele faz questão quando acorda e quando vai dormir. Não é algo que penso em tirar dele agora.

Agora a fralda... Quem me acompanha lembra da saga para desfraldar o Arthur. Tentei antes do Matheus nascer e não deu certo... Ele largou a fralda com 3 anos. Tarde? Porque? Porque existe a tal cobrança social não é? Mas essa cobrança vai trazer algum benefício na vida do seu filho? Então, relaxa... Cada criança tem o seu ritmo, o seu tempo!!!

Resolvi fazer as coisas em casa com calma e naturalidade! Na verdade, depois que tive Matheus tudo gira em torno desse mantra "Eu sei o que é melhor para meu filho. O natural é o melhor caminho. Tudo a tempo, no seu tempo!"

Arthur ainda usa fralda durante a noite, mas não faz xixi. Tenho falado para ele que ela não é mais necessária e que ele já consegue dormir sem ela. Mas ele diz que não, que ainda precisa dela. Pra que eu forçaria algo que nele ainda não está pronto? 

Você já se sentiu pressionado a algo que ainda não estava 100% pronta e preparada para fazer? 
Não é algo bacana...
A criança precisa se sentir segura! E isso nasce nela a partir de suas experiências de vida! 
A partir do momento que Arthur disse pra mim que não precisaria mais da fralda durante o dia, posso contar em uma mão, quantas vezes ele deixou o xixi ou o cocô escapar! 
Ele se sente seguro e não precisa ficar ansioso ou nervoso!
Acho que assim, as coisas fluem muito melhor!

Porque nós insistimos em afirmar que sabemos o que é melhor para o outro? Interferimos nas escolhas das pessoas como se fossemos a solução de seus problemas!

Escute seus filhos! Procure entender, se colocar no lugar dele! Quando voltamos a pensar como crianças, nosso olhar muda, nossa perspectiva muda! 
Aliás, quem já assistiu O Pequeno Príncipe? Uma reflexão maravilhosa para nos adultos!
"Deixar de ser criança para se tornar adulto não é um problema, o problema é esquecer!"

A criança precisa ter a maturidade certa para cada etapa de sua vida. E ela atinge essa maturidade através dos estímulos que ela recebe, dos incentivos, das experiências que ela vive, da segurança que ela adquire!

Não subestime uma criança, nem ache que ela está atrasada demais para alguma coisa.
Respeite o tempo dela e ela responderá de uma maneira mais do que positiva, harmoniosa!

Como funcionam as coisas por ai?

Contem para mim suas experiências com esses três temíveis objetos!!!

Beijos e fiquem com Deus!

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada! Sua participação é muito importante!