CHEGA DE MUNDO VIRTUAL

Preciso dar um basta! O quão difícil é entender que sou o maior exemplo para meus filhos?
Esses dias peguei Matheus aos prantos pois eu recusei dar meu celular para ele assistir vídeos. Sim, me julguem e atirem pedras, mas eu sou uma mãe real, que erra e que às vezes faz coisas “erradas” para ter um tempo sossegada  (ou tempo para estender roupa, lavar louça, arrumar casa...).
Eu já disse aqui que sou uma pessoa muito ligada em internet, tecnologia, redes sociais. Sempre me pego com o celular na mão, em qualquer brecha lá estou eu... Mas tenho percebido o quanto isso tem me feito mal. Sim! O excesso de qualquer coisa pode fazer mal.
Tem noites que vou dormir com dor de cabeça de tanto estímulo e mesmo assim o celular está ali do lado.
Mas isso eu muitas vezes nem ligo. O que me fez vir aqui foi perceber que meus filhos podem entrar na mesma onda!!!! E acho que isso pode ser um alerta para muitas pessoas!
Hoje em dia é impossível privarmos nossos filhos das experiências que o mundo moderno nos traz. Eles já nascem inseridos em um contexto onde o estímulo ao uso da internet é constante, diferente de nós que fomos inseridos com o tempo.
Eu sou muito a favor do uso de todas as tecnologias que nos auxiliam no dia a dia, que nos entretêm, mas quando vira vício (quase o meu caso), precisamos parar e refletir.
O tempo livre está acabando, a ociosidade do ser humano está sendo trocada por satisfações momentâneas, instantâneas e passageiras. Quem disse que ter um tempo ocioso é ruim? Qual criança hoje fica 15 minutos olhando uma paisagem?
Eu mesma não consigo ficar meia hora sem olhar para o celular. A mente parece que fica pedindo e se não obedeço parece que estou perdendo alguma coisa.
imagem retirada da internet
É preciso mudar. Eu preciso mudar. A vida está aí para ser vivida e só uma parte (bem pequena) dela se relaciona com o mundo virtual. E é claro, meus filhos só vão entender isso se eu for o exemplo! E posso ser um bom ou mau exemplo, a escolha é só minha.
Com o tempo, cada um vai demonstrando sua personalidade, suas preferências, mas hoje eu e o pai somos as maiores referências para eles e isso é tão simples e tão complexo. Atos que para nós passam desapercebidos, para eles podem ter um grande significado e coisas que nós damos tanta relevância, para eles pouco importa.
O que importa é o tempo. O tempo que se tem junto, o tempo de falar, brigar, brincar, curtir a vida.
O tempo está passando muito rápido e eu não quero olhar para traz e ver que poderia ter feito diferente. Ver que meus filhos se tornaram reféns de algo que eu também me tornei.
Não, pra mim não!
Agora é a hora!
Vamos mudar isso?
 Desapegue do celular, da internet. Não se desapegue por inteiro, isso pode fazer pare da sua vida sim! Mas dê preferência aos momentos onde o relacionamento se dá pelo olhar, pelo toque, pela palavra! Viva, respire, inspire!
Eu já me prontifiquei a mudar, e você, vem comigo?

Um comentário:

  1. Tenho pensado muito sobre isso,o qt o mundo virtual tem me atrapalhado com minha filha..
    Lendo seu texto percebi que tenho que me desligar um pouco do mundo virtual e me dedicar mais a ela..Sempre pensei minha filha não vai viver nesse mundo onde crianças de 5 anos tem acesso a Internet e ganha de presente um celular,ela vai brincar de bonecas até os 10 anos..rsrs
    Nesse exato momento me lembrei que eu mesma baixei vários vídeos infantis pra ela assistir num cel velhunha só dou de vez enquanto,pra ela se distrair enquanto eu estou fazendo mercado ou dirigindo ou qq outra coisa.Nesse exato momento estou me culpando por isso,estou errando em mostrar tão cedo um mundo desnecessário,tantas outras maneiras de distrai-lá, com o Cel é mais fácil se livrar das birras e choros..Mais não é essa educação que eu quero dar a ela..Então a partir de hj vou mudar, mudar minhas atitudes e adeus cel velho com vídeos da Bia..rsrs
    Obrigada por compartilhar isó com a gente..
    Bjs sua família e linda.


    ResponderExcluir

Obrigada! Sua participação é muito importante!

Tecnologia do Blogger.